sexta-feira, 28 de julho de 2017

CRISTO NA BÍBLIA - MARCOS (CRISTO, O SERVO)

CRISTO NA BÍBLIA (Pr. Eudes) MARCOS – O CRISTO, O SERVO Marcos, escritor do segundo evangelho, era sobrinho de Barnabé, companheiro de Paulo e Barnabé na primeira viagem missionária liderada por Paulo. Não sabemos a razão, mas o fato é que Marcos, chamado também de João Marcos, abandonou aquela caravana missionária e voltou para Jerusalém, sendo essa atitude sua o pivô da separação entre aqueles dois grandes apóstolos do Senhor, quando do inicio da segunda viagem missionária de Paulo. O seu livro foi destinado ao público romano, aos irmãos convertidos de Roma. É um evangelho de ação, ou seja, o autor é sucinto em sua mensagem sem se preocupar com os costumes judaicos. Relata os eventos da vida de Jesus de forma pitoresca e sempre enfatizando ações contínuas. Dos quatro evangelhos é o menor. Nele não se encontram informações sobre a infância de nosso Senhor Jesus Cristo. Depois de apresentar o precursor enviado por Deus para preparar o caminho do Senhor, João Batista, Marcos relata o batismo, a tentação de Jesus e a vocação dos primeiros apóstolos. Depois ele começa o relato sobre as curas, e os milagres realizados pelo Senhor. Ele segue o mesmo padrão dos outros sinóticos, mas como dito, de forma sucinta, resumida. No que se refere à última semana de Jesus neste mundo ele faz um relato mais detalhado sobre os acontecimentos. No Evangelho escrito por Marcos o Senhor Jesus é identificado como o Servo, Aquele que veio para servir e não para ser servido. “Porque o Filho do homem também não veio para ser servido, mas para servir e dar a sua vida em resgate de muitos” Mc 10.45. Segundo alguns estudiosos, Marcos foi o primeiro evangelho a ser escrito. Os outros dois evangelhos sinóticos (Mateus e Lucas) utilizaram o material produzido por Marcos sob inspiração divina, para confeccionarem os seus evangelhos. No final do seu Evangelho, Marcos fala sobre a grande comissão dada a Igreja (pregar o Evangelho), sendo esse Evangelho o único meio de salvação do pecador perdido. Marcos fala, logo após a grande comissão, dos sinais que seguiriam aqueles que cressem em Jesus, e depois nos revela que Jesus ascendeu aos céus e assentou-se a destra de Deus, e que o Senhor cooperava com a Igreja na pregação do Evangelho, realizando milagres. Pr. Eudes Lopes Cavalcanti

Nenhum comentário: